Como motivar os colaboradores em home office?

Antes da pandemia, empresas implementavam o teletrabalho (alguns dias da semana) como fator motivacional para atrair talentos. Mas, uma vez em home office (compulsório), como continuar motivando equipes inteiras, mesmo à distância?

Um estudo da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial) com participação de 155 empresas de São Paulo, apontou em dezembro de 2019, que 85% delas já ofereciam alguma iniciativa voltada para a mobilidade, incluindo o home office. Outro estudo da Harvard Business Review mostrou no mesmo período, que há uma alta de 13,5% na produtividade do trabalhador, após adesão do home office.

Desde o início da pandemia, muitas empresas ainda estão com seu quadro de colaboradores trabalhando em casa. E, ao contrário do que alguns estudos realizados dentro de condições normais identificaram, não é fácil manter a motivação nessas condições.

Como engajar os colaboradores, mesmo em home office?

Em teoria, a ação de engajamento de colaboradores à distância segue o mesmo padrão do trabalho convencional. Mas, a prática pode ser bem diferente. Ainda que no ambiente corporativo o foco esteja ligado aos resultados, é preciso dar a devida importância ao fator humano.

Preparamos algumas dicas para ajudar a engajar seus colaboradores e mantê-los motivados, diante dos desafios enfrentados no cenário atual.

1. Aproxime-se da realidade de cada colaborador

É preciso compreender que, neste momento, cada indivíduo vivencia o home office através de realidades diferentes e a empatia fará a diferença. Ou seja, empresas que compreendem as limitações e os esforços dos seus colaboradores, despertam naturalmente o empenho para se dedicarem mais e melhor em suas tarefas.

2. Líderes são primordiais no engajamento dos colaboradores

Tanto no escritório como em um ambiente virtual, a liderança é responsável pelo engajamento dos colaboradores, estreitando seu relacionamento com a equipe e, também, entre os profissionais do time. Os líderes devem promover um cenário de motivação para que todos estejam comprometidos com o trabalho.

3. Seja presente na rotina colaborador

Os feedbacks são necessários, principalmente à distância. Tenha um canal aberto para que o colaborador também possa dar sugestões e interagir com a equipe. Adote reuniões virtuais, no começo da semana, para planejar a rotina, organizar projetos e promover orientações sobre o trabalho de uma forma geral.

4. Cuide da saúde mental dos colaboradores

O modelo home office vem poupando horas perdidas no trânsito, mas, outras situações decorrentes do confinamento, podem impactar negativamente a produtividade dos colaboradores. Por isso, é importante compreender, que alguns poderão precisar de apoio profissional para reduzir a carga de estresse e ansiedade.

5. Ofereça recompensas

Mesmo em home office, é possível promover ações com recompensas.

Cursos on-line, para colaboradores com bom desempenho, podem promover a motivação através do aprimoramento profissional e pessoal.

Folgas extras, por exemplo, e outras ações simples também funcionam como reconhecimento do esforço e dedicação e refletirão positivamente na atuação do colaborador.

6. Treine sua equipe

É bom ressaltar a importância dos treinamentos para os colaboradores. Além de promover o aperfeiçoamento e desenvolvimento de habilidades técnicas, o profissional entende que a empresa reconhece suas competências, proporcionando assim, condições de projeção dentro da organização.

Através de ações simples e um pouco de criatividade, é possível retomar e manter a motivação do time durante o home office, fortalecendo o sentimento colaboração e pertencimento.

 —————————

Sua opinião é muito bem-vinda! Comente, se expresse, esse espaço é seu 😉

Por favor, verifique os termos antes de realizar seu comentário:

  • Os comentários do blog são moderados.
  • Só publique comentários relacionados ao conteúdo do artigo.
  • Comentários anônimos não serão publicados.
  • Não coloque links de artigos de seu blog nos comentários.
  • Deseja nos contatar? Acesse o formulário de contato aqui.
  • Os comentários não refletem a opinião do autor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *