A capacidade das lideranças de realizar mudanças dentro da empresa

Com a chegada da pandemia em 2020, as empresas adotaram de forma emergencial o home office e, com o passar dos meses e a prorrogação da situação, perceberam que não seria necessário o retorno imediato dos colaboradores ao escritório para garantir a produtividade.

O trabalho remoto se consolidou, além disso, as empresas precisam demonstrar confiança nos funcionários e contar com tecnologias, que garantam a gestão de todos os pontos. É algo que exige foco, organização e disciplina por parte dos envolvidos

É indispensável que as equipes tenham a tecnologia ideal para trabalhar com eficiência em lugares diferentes. É primordial, por exemplo, adotar aplicativos para troca de mensagens, plataformas de videoconferências e ferramentas para documentar processos.

À medida que a tecnologia avança, as pessoas passam a contar com novas ferramentas que permitem fazer mais com menos. Em outras palavras, isso quer dizer que é cada vez mais possível que as pessoas sejam mais produtivas, em menos horas trabalhadas.

Rogério Bragherolli, especialista em capital humano e empregabilidade da Energy People, explica sobre a exigência de profissionais mais críticos, analíticos e com um perfil de liderança diferente do que está no mercado há alguns anos. “Os modelos de trabalho se transformaram radicalmente e o sucesso deste novo ambiente depende muito da competência da liderança para poder realizar as mudanças necessárias. Faz-se necessário buscar líderes que trabalhem em modelos ágeis, remotos, de rápido aprendizado, com conectividade, qualidade, digitalizado e automatizado, fazendo mais com menos e, ao mesmo tempo, mais humanizado”.

Principais características do líder ideal 

Apesar das competências técnicas ainda serem importantes, o gestor flexível, criativo, que interage bem com a equipe e se preocupa com a saúde, bem-estar e segurança dos colaboradores ganha vantagem no mercado, e são algumas das características profissionais para o líder do futuro.

Rogério Bragherolli explica o que se espera de um profissional atualmente:  

Humanização: “A empatia, a capacidade de se colocar no lugar do outro, lidar com a dor, com o sentimento, com as necessidades dos outros, é fundamental. Desenvolver a humanização exige sensibilidade, humildade e desprendimento pessoal”, diz o especialista. 

Inteligência emocional: “ Os líderes com inteligência emocional vão ajudar – e muito – a lidar com as mudanças conectando as pessoas e as equipes de um jeito profundo e direto, estimulando as reações e interações desejadas”, explica Rogério. 

Resiliência: Para o especialista, as três características básicas de um líder resiliente  são: aceitar calmamente as realidades difíceis; encontrar sentido e oportunidades em épocas complicadas; e ter uma grande capacidade de improvisar usando o que tem disponível. 

Flexibilidade, capacidade de mudança e aprendizado: “A capacidade de aprender coisas novas no curto espaço de tempo e experimentá-las através de um sistema ágil é o novo diferencial das empresas do novo normal. Por consequência, aprender, reaprender e ensinar, criando novos modelos de trabalho, é uma das competências essenciais para os líderes da atualidade”, diz Rogério. 

Trabalho digital e remoto: O escritório do futuro deve ser híbrido, uma junção do trabalho presencial com o remoto. O líder que se adaptar a esse cenário, souber usar as ferramentas digitais, conseguir se comunicar com a equipe e manter a qualidade das entregas de forma remota, sairá na frente. 

A palavra-chave da atualidade é adaptabilidade, seguida por flexibilidade e paciência. É preciso se adaptar aos novos tempos, entender que a maneira de se fazer negócio muda constantemente e que o sucesso de uma empresa depende da capacidade de seus gestores de se reinventarem.

Estar atento às necessidades atuais, inserindo esse novo perfil de gestão em sua empresa, é mais uma das ações realizadas pela Jobs & Talents, uma das áreas de atuação do Energy Group, operada pela Energy People. Oferecemos soluções integradas, com suporte em serviços que abrangem todas as funções estratégicas e operacionais da área de RH, a tercerização de serviços especializados, através de soluções inteligentes, agregando valor e reduzindo custos para as empresas.

*Fonte:: https://www.consumidormoderno.com.br/2021/02/17/perfil-lideranca-ideal-novas-caracteristicas-exigidas/

 —————————

Sua opinião é muito bem-vinda! Comente, se expresse, esse espaço é seu 😉

Por favor, verifique os termos antes de realizar seu comentário:

  • Os comentários do blog são moderados.
  • Só publique comentários relacionados ao conteúdo do artigo.
  • Comentários anônimos não serão publicados.
  • Não coloque links de artigos de seu blog nos comentários.
  • Deseja nos contatar? Acesse o formulário de contato aqui.
  • Os comentários não refletem a opinião do autor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *